Se planeje para o pagamento do 13º

Com o início de novembro, empregados e empregadores já se planejam para o pagamento do 13º salário. Previsto em legislação, o 13º ou Gratificação Natalina, é o pagamento de um salário extra no final de cada ano. Apesar de a reforma trabalhista do ano passado não ter alterado em nada o benefício, ainda restam algumas dúvidas.

Quanto deve ser pago no 13º?

Como o nome já diz, o 13º salário corresponde ao valor mensal integral do salário do empregado. Ou seja, o funcionário que recebe R$1000 mensais, receberá a mesma quantia. É importante lembrar que o valor deve ser proporcional ao tempo de serviço. Isso significa que um funcionário admitido em fevereiro, deve receber 11/12 avos do valor integral. Para um funcionário admitido em abri, 09/12 avos.

Quando será pago?

Deve ser pago em duas parcelas, uma até dia 30 de novembro, e a outra até 20 dezembro. A 2º parcela, por sua vez, corresponderá ao valor total que o empregado terá direito, havendo o desconto do INSS, IRRF e pensão alimentícia, caso haja.

Quando há faltas, como é realizado o pagamento?

Todas as faltas não justificadas no ano devem ser levadas em consideração. Se as faltas forem superiores 15 dias dentro do mês, o colaborador perde o direito de receber o 13º referente ao mês.

Para garantir que a sua empresa pague em dia e faça o cálculo correto dos pagamentos, vale a pena contratar um escritório de contabilidade de confiança, quanto antes melhor. Entre em contato com a Art Seven Contabilidade para que possamos te ajudar nesse e em outros momentos.

Deixar um Comentário